terça-feira, 4 de fevereiro de 2014

Sonhos

Joseph Sanabria

Tenho na mão, os sonhos , labirintos
de segredos em mim,
rios sem foz.

Tenho um céu, um sol
um mar tatuado em mim,
em cicatriz sem voz.

E tenho as cores diluídas na esperança,
em labaredas de sol,
espelhadas nos olhos.

Que se querem verdes.
.
©Piedade Araújo Sol 2014-02-04