terça-feira, 22 de março de 2016

No cimo da escarpa

Richard Blunt


No cimo da escarpa,
os pássaros exercitavam
o seu voo em círculo.

Juntei a cinza do teu olhar,
com o musgo do meu,
e ficamos silenciosos a observar.

No cimo da escarpa, fez-se noite
com o repouso dos pássaros
as estrelas ficaram mais cintilantes.

Em ninhos improvisados,
fez- um silêncio cavado,
e fantasmagórico.

Era tarde, muito tarde
unimos os corpos, e tudo ficou
colorido no cimo da escarpa.

Depois,
começamos a contar o passar
dos dias pelos dedos.


©Piedade Araújo Sol  2016-03-18

26 Comentários:

Blogger Rogerio G. V. Pereira disse...

Nunca contei o passar dos dias pelos meu dedos
Conto-os sempre pelos dedos dela...



segunda-feira, 21 março, 2016  
Blogger Luis Eme disse...

No cimo da escarpa,
tudo é permitido
em nome do amor e da poesia.

abraço Piedade

terça-feira, 22 março, 2016  
Blogger Agostinho disse...

Afinal, tarde não era, nem é nunca. Quando
a alquimia das cores desafiia o nosso contar pelos dedos...

Muito belo o "enredo" da poesia que criaste na "escarpa" da noite.

Bj

terça-feira, 22 março, 2016  
Blogger Pedro Luso disse...

Piedade,
Parabéns pelo seu inspirado poema. Muito bom.
Abraços.

terça-feira, 22 março, 2016  
Blogger Majo disse...

~~~
~ Tão belo.Piedade!Muito belo!


Era tarde. muito tarde, porém,

as estrelas iluminaram a noite,

colorindo a amorosa escarpa,


Poesia mágica, mas concreta!

~~~~ Abraço Poeta.
~ ~ ~ ~ ~ ~ ~ ~ ~ ~ ~ ~ ~ ~

terça-feira, 22 março, 2016  
Blogger Cidália Ferreira disse...

Mas tem alturas em que os dias custam a passar!
belíssimo poema. Parabéns

Votos de uma dia feliz.
Beijos

Coisas de Uma Vida 172

terça-feira, 22 março, 2016  
Blogger Marta Vinhais disse...

Para um novo reencontro no cima da escarpa?
E tudo seja ainda mais brilhante e intenso...
Lindo..
Beijos e abraços
Marta

terça-feira, 22 março, 2016  
Blogger Gaby Soncini disse...

Que saudades já estava daqui!

Beijos!

terça-feira, 22 março, 2016  
Blogger heretico disse...

belo poema. de uma sensualidade vibrante e terna.

gostei.deveras!

quarta-feira, 23 março, 2016  
Blogger (CARLOS - MENINO BEIJA - FLOR) disse...

Romantismo apurado, lindo. Parabéns, Piedade. bj

quarta-feira, 23 março, 2016  
Blogger Fábio Murilo disse...

Poema leve, belo, gostei, Sol. Beijos!

quarta-feira, 23 março, 2016  
Blogger Marineide Dan Ribeiro disse...

Em um lugar lindo como este e em boa companhia tudo é mágico não é mesmo?



Bjus

quarta-feira, 23 março, 2016  
Blogger Zilani Célia disse...

OI PIEDADE!
VERSOS LINDOS.
ABRÇS
http://zilanicelia.blogspot.com.br/

quinta-feira, 24 março, 2016  
Blogger Maria Rodrigues disse...

E no cimo das escarpas se encontrou a magia do local e do amor. Lindo poema.
Piedade, aproveito para desejar uma Páscoa muito Feliz.
Beijinhos
Maria

quinta-feira, 24 março, 2016  
Blogger José María Souza Costa disse...

Olá, Piedade
Estou aqui, para te desejar um Tempo de Quaresma: agradável.
Paz e Alegrias.
Feliz Páscoa.

sexta-feira, 25 março, 2016  
Blogger Ana Freire disse...

Maravilhoso poema... leve... e contudo, tão intenso...
Simplesmente admirável!...
Beijinhos, Piedade! Também por aqui, renovando os meus votos de um bom fim de semana, e de uma Páscoa muito feliz!...
Ana

sexta-feira, 25 março, 2016  
Blogger Acordar Sonhando . SOL da Esteva disse...

A escarpa foi o leito
Aonde o Amor se vestiu.
Já se conta, a preceito,
O tempo que não fugiu.


Beijo
SOL

sexta-feira, 25 março, 2016  
Blogger manuela baptista disse...

a contar pelos dedos os dias felizes


uma Páscoa Feliz para si, Piedade!

sexta-feira, 25 março, 2016  
Blogger MARILENE disse...

Você encanta, Piedade! Esse encontro de olhares, essa união de corpos, essa contagem do tempo... que preciosidade! É uma prazer ler seus versos.
Desejo-lhe uma abençoada Páscoa! Bjs.

sexta-feira, 25 março, 2016  
Blogger Suzete Brainer disse...

Que forma tão bela de eternizar o
encontro, o amor se fez poema,
na declamação dos dias,
guardados no silêncio da entrega!...

Adorei, Piedade!

Feliz Páscoa!
Beijo.

sábado, 26 março, 2016  
Blogger Jaime Portela disse...

Magnífico poema, como sempre.
Boa Páscoa, querida amiga Piedade.
Beijo.

sábado, 26 março, 2016  
Blogger AC disse...

De um lirismo encantador, Piedade.
Anda por aí musa! :)

Um beijinho :)

sábado, 26 março, 2016  
Blogger O Árabe disse...

No cimo da escarpa... decerto encontraste o amor e a poesia! Belo texto, Piedade; boa semana.

segunda-feira, 28 março, 2016  
Blogger Graça Pires disse...

"No cimo da escarpa" há sempre um momento promissor das aventuras que começam e acabam nos corpos... Um belíssimo poema, Piedade.
Um beijo.

segunda-feira, 28 março, 2016  
Blogger Jorge disse...

Fantástico este teu poema...

Um beijinho!

segunda-feira, 28 março, 2016  
Blogger POESIAS SENSUAIS E CONTOS disse...

Lindo e inspirador blog. Parabéns. Uma bela e encantadora semana

segunda-feira, 28 março, 2016  

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial