terça-feira, 29 de julho de 2014

Posso despir palavras




Posso despir palavras como as árvores
se despem no outono, na loucura deste 
tempo desencontrado em que todas as 
estações nos habitam.

Posso vestir palavras no conforto do lar,
rodeada de colorações com tintas luxuriantes
quentes ou pálidas conforme
o estado de espírito.

Posso usar palavras para exprimir
satisfação, dor ou revolta
e com elas marcar um ritmo de palavras
minhas e fazer um novo poema.

Mas, hoje só as palavras sofridas
me assistem.

E eu só queria dizer PAZ.

 ©Piedade Araújo Sol 2014-07-22

41 Comentários:

Blogger Agostinho disse...

"E eu só queria dizer PAZ"
no entanto tanta palavra
erigida contra a Paz.

Bonito poema Sol. Que a esperança não morra em nós.

terça-feira, 29 julho, 2014  
Blogger Marta Vinhais disse...

Mas mesmo assim há um poema...
Cheio de esperança e a falar dessa paz escondida nessas palavras....
Gostei muito...
Beijos e abraços
Marta

terça-feira, 29 julho, 2014  
Blogger Nanda disse...

As palavras são armas poderosas, mas nem elas conseguem mudar a maneira como nos sentimos às vezes. Mesmo escrevendo que queremos paz, nem sempre nos sentimos em paz. Ainda assim elas tem poder de deixar a alma e o coração mais leves. Beijos!

terça-feira, 29 julho, 2014  
Blogger Branca disse...

Sempre tão bonito o teu olhar Piedade, um olhar que já por si nos transmite paz e onde volto sempre, mesmo que passe muito tempo.

Um olhar que se eternizou em mim.

Obrigada por este momento e por todos os outros.

Beijos

terça-feira, 29 julho, 2014  
Blogger Maria Vaz disse...

olá Piedade!

Há dias em que só a tristeza nos parece habitar, às vezes com só a paz de estar triste, outras triste com a falta de paz que certas palavras nos podem trazer. Luto agora serenamente contra a falta de paz que habita fora de mim, para que me possa sentir em paz de dentro para fora e poder transmiti-lo, por palavras, sem medo das guerras que nos parecem envolver...

terça-feira, 29 julho, 2014  
Anonymous Anónimo disse...

You ought to be a part of a contest for one of the finest websites on the net.
I'm going to highly recommend this blog!

Visit my weblog :: wedding rings at walmart; huysharing.com,

terça-feira, 29 julho, 2014  
Blogger Nilson Barcelli disse...

E é de PAZ que tanto precisamos.
Magnífico poema, gostei imenso.
Piedade, tem uma boa semana.
Beijo.

terça-feira, 29 julho, 2014  
Blogger ONG ALERTA disse...

Lindo paz para todos...
Beijo Lisette.

terça-feira, 29 julho, 2014  
Blogger Mar Arável disse...

As palavras são corpos vivos

mesmo quando se despem

Bj

terça-feira, 29 julho, 2014  
Blogger Mar Arável disse...

As palavras são corpos vivos

mesmo quando se despem

Bj

terça-feira, 29 julho, 2014  
Blogger Mar Arável disse...

As palavras são corpos vivos

mesmo quando se despem

Bj

terça-feira, 29 julho, 2014  
Blogger O Árabe disse...

Podemos, sim, Piedade, despir palavras... ou com elas vestir os nossos sentimentos. Belo post, boa semana!

quarta-feira, 30 julho, 2014  
Blogger Graça Pires disse...

Dizer PAZ com palavras despidas, vestidas e sentidas... Muito belo, Piedade.
Um beijo.

quarta-feira, 30 julho, 2014  
Blogger Tita B. disse...

Tenho muitos dias assim, em que só as palavras sofridas me assistem. E eu, que sempre só quis paz.

beijinhos!

Gosto bastante de vir aqui ler-te.

quarta-feira, 30 julho, 2014  
Blogger heretico disse...

pressente-se a angústia. dos tempos.

palavras que são grito.

beijo

quarta-feira, 30 julho, 2014  
Blogger helia disse...

Um lindo Poema ! Haja Paz no Mundo ! Paz para todos .

quinta-feira, 31 julho, 2014  
Blogger helia disse...

Um lindo Poema ! Haja Paz no Mundo ! Paz para todos .

quinta-feira, 31 julho, 2014  
Blogger silvioafonso disse...

.


Amanhã, primeiro do mês,
talvez eu ponha uma gota
de água pura nos seus olhos
ou seria pretensão da minha
parte?

Confira no meu blog.

Estou seguindo o seu...

Beijos.






.

quinta-feira, 31 julho, 2014  
Blogger Henrique Caldeira dos Santos disse...

Paz, Piedade!
Adorei o poema!

quinta-feira, 31 julho, 2014  
Blogger Magia da Inês disse...

✿✿° ·..
Como eu queria que hoje houvesse
apenas palavras alegres, fortes e cheias de esperança para todos.

Beijinhos e bom restinho de semana!
✿✿° ·..

quinta-feira, 31 julho, 2014  
Blogger Daniel Aladiah disse...

Querida Pi
Paz... sim!
Beijo
Daniel

sexta-feira, 01 agosto, 2014  
Blogger Evandro L. Mezadri disse...

Olá Piedade!
E eu estou usando palavras para dizer o quanto é bela sua poesia!
Grande abraço, sucesso e um ótimo final de semana!

sexta-feira, 01 agosto, 2014  
Blogger Existe Sempre Um Lugar disse...

Olá,
Neste jogo de palavras construiu um belo poema de amor.
Dia feliz
AG

http://momentosagomes-ag.blogspot.pt/

sexta-feira, 01 agosto, 2014  
Anonymous Anónimo disse...

https://www.youtube.com/watch?v=tXW792NlW04

Deixo-lhe a paz e a ternura das minhas mãos.
Sei que precisa...

sexta-feira, 01 agosto, 2014  
Blogger artista sem pena disse...

Paz!

sábado, 02 agosto, 2014  
Blogger Lucas - Blog: Overture disse...

Este comentário foi removido pelo autor.

sábado, 02 agosto, 2014  
Blogger Lucas - Blog: Overture disse...

Inventou-se um momento para o qual nenhuma das palavras que pudéramos despir nos desnuda o quanto queremos; das que pudéramos vestir nenhuma nos aquece o quanto desejamos; as palavras costumeiras com que singramos sete mares não nos bastam! O momento inventou a si mesmo dentro de nós em melancolia surda, em precisão de uma palavra que não temos! Deveras, não temos! Ou, temos a palavra, e não temos o que ela exprime! Deveras, não temos! Que poema extremamente belo, que monumento, que profundo mar criaste! A Poesia se encanta com teu poema. Ele é pura poesia. Beijosssssssss

sábado, 02 agosto, 2014  
Blogger Rita Sperchi disse...

Hoje estou passando para agradecer
sua amizade, desejar sempre o melhor
pra vc, e fazer um convite para
participar do sorteio que vou fazer
pelo niver do meu Blog, são 3 anos
de muita alegria, venha festejar comigo....

Abraços de bom final de semana
Bjusss

(¯`´¯)
`*.¸.*´
¸.•´Rita

sábado, 02 agosto, 2014  
Blogger ॐ Shirley ॐ disse...

Belo poema.
As palavras, com suas entonações, denunciam nosso estado de espírito...
beijos, Piedade!

sábado, 02 agosto, 2014  
Blogger Ana Tapadas disse...

Muito belo o poema. Ainda mais o seu conteúdo.

Bjs

sábado, 02 agosto, 2014  
Blogger Ana Tapadas disse...

Muito belo o poema. Ainda mais o seu conteúdo.

Bjs

sábado, 02 agosto, 2014  
Blogger Daniel C.da Silva (Lobinho) disse...

Gostei logo da primeira estrofe...

...depois... bem, depois talvez nos caiba a nós, por vezes, sentir a paz que almejamos...

beijo amigo

domingo, 03 agosto, 2014  
Blogger José María Souza Costa disse...


Olá.
As palavras, serão sempre, armas de conquistas.
Beijos

domingo, 03 agosto, 2014  
Blogger Gaby Soncini disse...

Que todas palavras de paz te encontrem como um sopro suave vindo do mar. Sua bela poesia até com dor exala paz e serenidade.

Beijos.

domingo, 03 agosto, 2014  
Blogger Andradarte disse...

Gostei de vir aqui....
Não dá para ficar seguidor????
Beijo

segunda-feira, 04 agosto, 2014  
Blogger Andrea Liette disse...

Que a Paz habite nua e branca
em seu coração de poeta!

Um abraço!

segunda-feira, 04 agosto, 2014  
Blogger Sónia M. disse...

Paz!

A palavra que deveria andar de boca em boca
de coração em coração...

Belo!

Beijos

segunda-feira, 04 agosto, 2014  
Blogger Suzete Brainer disse...

As palavras são instrumentos

mágicos para o poeta colorir

(transfigurar) os significados,

levando os leitores juntos

nesta viagem do sentir...

Eu quero te dizer que

senti paz vestindo o poema...

Belíssimo,Piedade!!

Uma semana inspiradora...

Bjo.

segunda-feira, 04 agosto, 2014  
Blogger Laura Ferreira disse...

gosto destas palavras.
beijo

sexta-feira, 08 agosto, 2014  
Blogger Desordeiro disse...

Palavras são palavras, ainda bem que as temos e as verbalizamos.

terça-feira, 19 agosto, 2014  
Blogger Desordeiro disse...

Palavras são palavras, ainda bem que as temos e as verbalizamos.

terça-feira, 19 agosto, 2014  

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial